Sua experiência em inovação na 16ª Conferência Anpei

Além de palestras e debates com especialistas, a 16ª Conferência Anpei de Inovação também abrirá espaço para empresas e instituições científicas e tecnológicas apresentarem Cases em inovação. Após o período de inscrição, os projetos serão analisados pelo Comitê Técnico do evento, composto por integrantes da Anpei e especialistas do sistema nacional de inovação.

Para selecionar as propostas mais inovadoras, o Comitê Técnico irá considerar a aderência ao tema central do evento – Vivendo a Inovação em um Mundo em Transformação – originalidade, ineditismo, replicabilidade, impacto, os resultados do projeto, estágio do esforço inovador e clareza do texto de apresentação do Case.

Confira o regulamento abaixo e fique atento ao cronograma de inscrição!

Tenha o regulamento do Call for Cases da 16ª Conferência Anpei em seu smartphone!

Baixe o MidiaCode, capture, guarde
e compartilhe esse conteúdo.

MidiaCode Call For Cases Instrucoes

Datas Importantes
Temas dos Cases

“Vivendo a Inovação em um Mundo em Transformação” é o tema central da 16a Conferência Anpei de Inovação.

Nesse entrelaçado mundo da inovação e sua gestão, é possível identificar seis grandes rotas viabilizadoras do mundo em transformação. Cada uma delas tem seu mindset, conceitos, ferramentas e linguagem, que, de forma isolada ou conjunta com outras rotas, direcionam os esforços inovativos de uma organização.

Rotas Viabilizadoras do Mundo em Transformação

Purpose driven innovation:

A inovação como resultado da definição de um propósito inspirador e engajamento.

Data driven innovation:

A inovação como resultado do levantamento, da análise de dados e da aplicação de tecnologias cognitivas;

Venture driven innovation:

A inovação como resultado do conhecimento do contexto de negócios e relação com startups;

Design driven innovation:

A inovação que se origina a partir do profundo conhecimento das pessoas, suas motivações e comportamentos;

Network driven innovation:

A inovação que se baseia no acesso a conhecimentos disponíveis em uma rede de pessoas ou indivíduos, internos ou externos à organização;

Technology driven innovation:

A inovação que resulta de esforços de pesquisa e desenvolvimento;

O Call for Cases da 16ª Conferência Anpei de Inovação tem essas rotas como norteadoras das categorias a serem apresentadas.

Serão selecionados os Cases que melhor representem as rotas de inovação mencionadas.

O Case a ser submetido pode retratar tanto uma rota específica, quanto uma composição de outras rotas.

Critérios de Avaliação e Seleção

Os Cases serão avaliados segundo os seguintes critérios:

• Aderência ao tema/rotas: mede o quão alinhado ao tema/rotas o caso descrito se refere. Esse é um critério eliminatório, portanto, os Cases que não demonstrarem qualquer nível de aderência ao tema/rota da Conferência serão excluídos da lista de elegíveis a serem apresentados.

• Clareza do conteúdo: procura medir se o texto é claro, fluido, compreensível e conciso, abordando a totalidade dos tópicos requeridos no formulário.

• Resultado da inovação: avalia se o esforço inovador já gerou resultados qualitativos ou quantitativos e o nível de relevância para a organização.

• Replicabilidade do aprendizado: avalia se a experiência relatada no Case contribui para o aprendizado e pode ser replicada em outras organizações.

• Ineditismo: avalia se o Case já foi apresentado publicamente em outros eventos ou conferências.

• Estágio do esforço inovador: mede se a solução proposta pelo Case está em implementação, já foi implementada e se já gerou resultados mensuráveis à organização.

Com garantia de sigilo absoluto durante todo o processo, os Cases serão avaliados pelo Comitê Técnico da 16ª Conferência Anpei de Inovação, que poderá sugerir alterações para o aprimoramento dos trabalhos. Este processo é de competência exclusiva do Comitê Técnico, que não divulgará informações a este respeito, não cabendo recursos.

Não há um número mínimo ou máximo de Cases a serem selecionados para compor a grade de conteúdo da 16ª Conferência Anpei de Inovação. A partir do ranking de avaliação por cada categoria, o Comitê Técnico irá definir quantos Cases serão convidados a fazer parte do evento.

Com o objetivo de obter maior diversidade de atores e de apresentar diferentes perspectivas de aprendizado para o público, fica estabelecido, desde já, que:

Em situações nas quais, por exemplo, a Organização A submeta vários Cases e tenha mais de um bem colocado no ranking, o Comitê Técnico terá a prerrogativa de escolher o Case da Organização B imediatamente melhor colocado que o segundo melhor Case da Organização A para substituição.

Cada Case será avaliado por, no mínimo, dois avaliadores através de um sistema eletrônico implementado pela Anpei.

A pontuação e o ranqueamento serão utilizados para classificar os trabalhos, que poderão obter os seguintes resultados:

  • Trabalho aprovado para apresentação oral;
  • Trabalho não classificado.
Matriz de Avaliação

DADOS SOLICITADOS NO FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO

DA ORGANIZAÇÃO

Nome: Inserir o nome da empresa que está submetendo o Case

Associado Anpei: Informar se é ou não associado da Anpei

Ineditismo do case: Informar se o case nunca foi apresentado, se já foi apresentado em outros eventos da Anpei ou se já foi apresentado em eventos de outras organizações

Tipo: Informar se é Agência/Governo, Empresa, Empresa Incubada, Entidade de Classe, ICT, Serviços/Consultoria ou Outros

Tamanho: Informar o porte da empresa, de acordo com o

faturamento. Micro (até 360 mil), Pequena (entre 360 mil e 3,6 milhões), Média (entre 3,6 e 90 milhões), Média-Grande (entre 90 e 300 milhões) ou Grande (acima de 300 milhões)

DO RESPONSÁVEL PELA SUBMISSÃO DO CASE

Nome: Nome de quem está submetendo o Case

E-mail: E-mail comercial

Estado: UF de onde o Case está sendo submetido

Telefone: Número de telefone comercial

Celular: Número de telefone celular

DO CASE

Título: Título do Case

A organização: Descreva sucintamente a sua organização

O desafio/Oportunidade: Contextualize o mercado de sua organização, o desafio/problema que seu esforço inovativo busca resolver e caracterize a oportunidade perseguida

A inovação: Em que estágio a inovação se encontra? Caracterize a inovação implementada, apontando seus diferenciais em relação às soluções comparáveis e descrevendo a metodologia/abordagem/design utilizada para a solução do desafio apresentado

Driver de Inovação: Indique, abaixo, a rota de inovação predominante que o caso descrito se refere. Marque somente uma opção

  • Technology driven innovation
  • Network driven innovation
  • Design driven innovation
  • Venture driven innovation
  • Data driven innovation
  • Purpose driven innovation

Indique, abaixo, as demais rotas que o caso também aborda. É possível marcar mais de uma opção ou deixar em branco se não houver outra rota

  • Technology driven innovation
  • Network driven innovation
  • Design driven innovation
  • Venture driven innovation
  • Data driven innovation
  • Purpose driven innovation
RESULTADOS

Descreva os resultados obtidos (quantitativos e qualitativos) do seu Case.
Como esses resultados impactaram a visão da empresa e o preparo para os desafios futuros?

APRENDIZADOS

De que forma a experiência descrita no Case pode contribuir com o aprendizado, a difusão e com o processo de inovação de outras organizações? Quais as dificuldades encontradas? Que avanços seriam ou deveriam ser feitos para que tal experiência gerasse um resultado ainda melhor?

Realização

Logo ANPEI

Organização

Logo FINITLogo FAPEMIGLogo Minas DigitalLogo GOV de MINAS

Patrocínio | TRANSFORMAR

Logo FINIT copy

Patrocínio | MUDAR

Finep_90%

Patrocínio | ADAPTAR

Furnas_80%

Patrocínio | VIVENCIAR

inventta_75% _ok

Patrocínio | CONHECER

cristalia_70%  logo_Clarke Modet_brasil_70% elsevier_70%  clarivate_70%_ok

Apoio Institucional

ABII   ABiquim   ABPI    ABVCAP   Anprotec   BH Tech   Biominas   Ctit Fortec   Harvard   Inova   Inova UFRJ   inovacao ufscar  Simi    DPCTUnicampCadware Tecnologi   Auspin_